RDBU| Repositório Digital da Biblioteca da Unisinos

Um lugar de memória da estrada de ferro: o centro de preservação da história ferroviária do Rio Grande do Sul

Mostrar registro simples

Autor Lewinski, Cinara Isolde Koch;
Lattes do autor http://lattes.cnpq.br/9116737263386208;
Orientador Ramos, Eloísa Helena Capovilla da Luz;
Lattes do orientador http://lattes.cnpq.br/5165417275334692;
Instituição Universidade do Vale do Rio dos Sinos;
Sigla da instituição Unisinos;
País da instituição Brasil;
Instituto/Departamento Escola de Humanidades;
Idioma pt_BR;
Título Um lugar de memória da estrada de ferro: o centro de preservação da história ferroviária do Rio Grande do Sul;
Resumo Esta dissertação tem por objetivo analisar o discurso produzido pelo Centro de Preservação do Patrimônio Histórico Ferroviário no Rio Grande do Sul na década de 1980. O tema surgiu da necessidade de se desenvolver um estudo sobre o patrimônio cultural ligado ao Museu do Trem, a partir das carências constatadas mediante o exame da documentação pertinente ao assunto. Sendo assim, o Museu do Trem, antiga Estação Ferroviária de São Leopoldo, passou a ser o nosso objeto de pesquisa, pois, abrigou o Centro de Preservação da História Ferroviária do nosso Estado. A pesquisa é embasada teoricamente na história cultural e a metodologia sobre o estudo do Programa de Preservação do Patrimônio Histórico está concentrada em dois focos: na pesquisa documental e na pesquisa que abrange as fontes testemunhais em um exercício de microanálise. Por meio dessas fontes, pretendemos analisar as políticas patrimoniais em torno do Programa de Preservação do Patrimônio Histórico, seus objetivos, seus interesses e o que buscou preservar do patrimônio ferroviário no Rio Grande do Sul, além de verificar a trajetória do Programa em nosso Estado, na década de 1980. Portanto, este trabalho tem a pretensão de contribuir para os estudos sobre a constituição do patrimônio ferroviário gaúcho e para as discussões sobre as relações entre poder político, patrimônio cultural e memória ferroviária.;
Abstract This theme aims to analyze the discourse produced by Rio Grande do Sul Preservation Center of Railway Heritage in the 1980s. This work came from the need to develop a study on the cultural heritage linked to the Train Museum, from the shortcomings found by examining the documentation relevant to the subject. As such, Train Museum, formerly São Leopoldo Railway Station, became our object of research, as it housed the Preservation Center of Railway History of our State. The research is based theoretically on cultural history and the methodology on the study of the Heritage Preservation Program is concentrated in two focuses: documentary research and research that covers the sources of witness in a microanalysis exercise. With these sources, we intend to analyze the patrimonial policies around the Program of Preservation of the Historical Patrimony, its objectives, its interests and what it tried to preserve of the rail patrimony from Rio Grande do Sul, and moreover checking the trajectory of Program in our State, in that decade. Therefore, this work intends to contribute to the studies on the constitution from gaucho rail heritage and to the discussions about relations between political power, cultural heritage and railway memory.;
Palavras-chaves Museus ferroviários; Patrimônio cultural; Memória; Railway museums; Cultural heritage; Memory;
Área(s) do conhecimento ACCNPQ::Ciências Humanas::História;
Tipo Tese;
Data de defesa 2017-10-23;
Agência de fomento CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; PROSUP - Programa de Suporte à Pós-Gradução de Instituições de Ensino Particulares;
Direitos de acesso openAccess;
URI http://www.repositorio.jesuita.org.br/handle/UNISINOS/6836;
Programa Programa de Pós-Graduação em História;


Arquivos deste item

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro simples

Buscar

Busca avançada

Navegar

Minha conta

Estatística