RDBU| Repositório Digital da Biblioteca da Unisinos

Feedback corretivo na interação oral : uma pesquisa-ação colaborativa com duas professoras de língua inglesa

Mostrar registro simples

Autor Pessôa, Aline Ribeiro;
Lattes do autor http://lattes.cnpq.br/6536441495689783;
Orientador Lima, Marília dos Santos;
Lattes do orientador http://lattes.cnpq.br/9415114271961678;
Instituição Universidade do Vale do Rio dos Sinos;
Sigla da instituição Unisinos;
País da instituição Brasil;
Instituto/Departamento Escola da Indústria Criativa;
Idioma pt_BR;
Título Feedback corretivo na interação oral : uma pesquisa-ação colaborativa com duas professoras de língua inglesa;
Resumo O feedback corretivo oral, em uma perspectiva sociocultural, é entendido como um elemento central para professores de línguas estrangeiras ajudarem o aprendiz a alcançar a autorregulação. Uma vez que o feedback corretivo possibilita a construção conjunta de uma zona de desenvolvimento proximal (ZDP), enfatiza-se a importância de variar os tipos de feedback oferecidos, reformuladores e elicitativos, favorecendo a estes, pois ajudam o aprendiz a assumir a responsabilidade pela correção de seus próprios erros. Este estudo objetiva contribuir para o desenvolvimento profissional de docentes de inglês como língua estrangeira e, conforme a perspectiva sociocultural, abordar e desenvolver conceitos científicos sobre o feedback corretivo oral. A investigação envolveu duas professoras de língua inglesa de uma escola pública em uma pesquisa-ação colaborativa, durante um semestre letivo. O estudo explora a pesquisa-ação colaborativa, estreitamente relacionada aos conceitos socioculturais da mediação e da ZDP, e propõe a zona de desenvolvimento proximal de docentes de língua estrangeira (ZDPD-LE), definida como a distância entre o que um professor de língua estrangeira faz em sua sala de aula e o que pode fazer quando estrategicamente mediado. A pesquisa fez uso da triangulação para a coleta e a análise dos dados, os quais foram coletados por meio de entrevistas individuais semi-estruturadas, observações em sala de aula, gravações em áudio e vídeo das aulas observadas, sessões autoscópicas e uma entrevista em grupo não estruturada. A análise dos dados foi orientada pela análise de conteúdo e pela análise da interação. Os resultados evidenciaram que, antes da pesquisa-ação colaborativa, as duas professoras utilizavam, predominantemente, feedback reformulador, especialmente recast, e eram contrárias ao fornecimento de feedback corretivo imediato. Além disso, elas ofereciam apenas alguns dos vários tipos de feedback corretivo. Os resultados do estudo revelaram que as professoras participantes internalizaram conceitos científicos e, como consequência, alteraram suas compreensões e o modo como fornecem feedback corretivo oral. Os resultados desta investigação ressaltam a importância da implementação de oportunidades, tais como as propiciadas por uma pesquisa-ação colaborativa, para professores em serviço se engajarem e refletirem sobre suas práticas de feedback corretivo oral, como forma de apoiar e promover o desenvolvimento profissional de professores de inglês como língua estrangeira.;
Abstract Oral corrective feedback, from a sociocultural perspective, is understood as a pivotal element in how foreign language teachers can assist a learner to achieve self-regulation. As corrective feedback enables the joint construction of a zone of proximal development (ZPD), it is emphasized the importance of varying the types of feedback offered, reformulations and prompts, favoring the latter, as they help learners assume responsibility for correcting their own errors. This study aims at contributing to English as a foreign language teachers’ professional development and, within a sociocultural perspective, intends to approach and develop scientific concepts about oral corrective feedback. The study engaged two teachers of English as a foreign language, from a public language school, in a collaborative action research, during a school semester. The study explores collaborative action research, as closely related to the sociocultural concepts of mediation and ZPD. It thereby proposes the zone of proximal foreign language teacher development (ZPFLTD), defined as the distance between what a foreign language teacher does in his/her classroom and what he/she can do when strategically mediated. The study used a triangulation design for data collection and analysis. Data were collected by means of semi-structured individual interviews, classroom observations, audio and video recordings of the observed lessons, teacher stimulated recall interviews, and an unstructured group interview. Data analysis was informed by using content analysis and interaction analysis. The results showed that prior to the collaborative action research, both teachers predominantly used reformulations, especially recast, and were against the provision of immediate oral corrective feedback. Furthermore, they provided only some of the various feedback types. The results of the study revealed the participant teachers internalized scientific concepts, and therefore, changed their understanding and the way they furnished oral corrective feedback. The findings of this study highlight the importance of implementing opportunities, such as those propitiated by a collaborative action research, for in-service teachers engage with and reflect on their oral corrective feedback practices, as a supportive and effective way to promote the professional development of teachers of English as a foreign language.;
Palavras-chaves Feedback corretivo oral; Perspectiva sociocultural; Pesquisa-ação colaborativa; Desenvolvimento profissional de professores de inglês como língua estrangeira; Oral corrective feedback; Sociocultural perspective; Collaborative action research; Professional development of teachers of English as a foreign language;
Área(s) do conhecimento ACCNPQ::Lingüística, Letras e Artes::Lingüística;
Tipo Tese;
Data de defesa 2018-10-31;
Agência de fomento Nenhuma;
Direitos de acesso openAccess;
URI http://www.repositorio.jesuita.org.br/handle/UNISINOS/7474;
Programa Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada;


Arquivos deste item

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro simples

Buscar

Busca avançada

Navegar

Minha conta

Estatística