RDBU| Repositório Digital da Biblioteca da Unisinos

O custo do isolamento brasileiro: uma análise sob a ótica de um modelo de equilíbrio geral computável

Show simple item record

metadataTrad.dc.contributor.author Cechin, Alícia;
metadataTrad.dc.contributor.authorLattes http://lattes.cnpq.br/3199182534183610;
metadataTrad.dc.contributor.advisor Azevedo, André Filipe Zago de;
metadataTrad.dc.contributor.advisorLattes http://lattes.cnpq.br/0625926234026025;
metadataTrad.dc.publisher Universidade do Vale do Rio dos Sinos;
metadataTrad.dc.publisher.initials Unisinos;
metadataTrad.dc.publisher.country Brasil;
metadataTrad.dc.publisher.department Escola de Gestão e Negócios;
metadataTrad.dc.language pt_BR;
metadataTrad.dc.title O custo do isolamento brasileiro: uma análise sob a ótica de um modelo de equilíbrio geral computável;
metadataTrad.dc.description.resumo O aumento dos Acordos Preferenciais de Comércio (APCs) tem modificado o cenário do comércio internacional. No caso brasileiro, o país se mostra relativamente isolado no cenário das negociações comerciais preferenciais, não possuindo um conjunto de acordos comerciais importantes com parceiros extra-regionais. Nesse sentido, o estudo busca examinar através de um modelo de equilíbrio geral computável (GTAP), os efeitos que a criação de APCs com importantes parceiros comerciais do Brasil teria sobre variáveis-chave para a economia, especialmente bem-estar e comércio internacional. Além das reduções das tarifas de importação, o trabalho também explorou os efeitos da redução das barreiras não-tarifárias (BNTs). Os impactos da formação de acordos de livre comércio geralmente se concentram naqueles setores mais protegidos antes da criação do bloco. Nas simulações realizadas neste trabalho, isso também se observou. Os resultados mostraram um aumento expressivo nas exportações de produtos primários e de baixa intensidade tecnológica, quando simulada a redução parcial e plena das tarifas de importação, no entanto quando simula-se além da redução das tarifas de importação a redução das BNTs, verifica-se que o sistema produtivo brasileiro pode ser afetado de diferente forma. Com a redução plena de tarifas e BNTs, as exportações brasileiras de setores de maior conteúdo tecnológico seriam as mais beneficiadas, enquanto a liberalização parcial das BNTs, além de reduzir a magnitude das exportações em todos os acordos, iria estimular mais setores de menor conteúdo tecnológico em vários acordos. No que se refere ao ganho de bem-estar, verifica-se o mesmo comportamento das exportações, mas quando ocorre a redução das BNTs, o maior ganho de bem-estar é obtido em setores de maior intensidade tecnológica.;
metadataTrad.dc.description.abstract The increase in the PTAs (Preferential Trade Agreements) has modified the international trade scenario, in the case of Brazil, the country appears to be relatively isolated in the context of trade negotiations, lacking a set of important trade agreements with extra-regional partners. In this sense, the study seeks to examine, through a computable general equilibrium model (GTAP), the effects that the creation of PTAs with important trade partners of Brazil would have on key variables for the economy, especially welfare and trade International. In addition to the reduction of import tariffs, the work also explored the effects of reducing non-tariff barriers (NTBs). The impacts of forming free trade agreements generally focus on those sectors most protected before the bloc was created. In the simulations performed in this work, this was also observed. The results show a significant increase in exports of primary products and low technological intensity, when simulated the partial and full reduction of import tariffs, however, when the reduction of NTBs is allowed in addition to the reduction of import tariffs, it is verified that the Brazilian productive sector can be affected differently. With the full reduction of tariffs and NTBs, Brazilian exports of sectors with higher technological content would be the most benefited, while the partial liberalization of NTBs, besides reducing the magnitude of exports in all agreements, would stimulate more sectors of lower technological content in most agreements. With regard to welfare gains, the same behavior of exports is observed, when reduction of NTBs occur, the greatest welfare gain is obtained in sectors of higher technological intensity.;
metadataTrad.dc.subject Acordos preferenciais de comércio; Modelo de equilíbrio geral computável; GTAP; Comércio internacional; Bem-estar; Preferential trade agreements; Computable general equilibrium model; International trade; Welfare;
metadataTrad.dc.subject.cnpq ACCNPQ::Ciências Sociais Aplicadas::Economia;
metadataTrad.dc.type Dissertação;
metadataTrad.dc.date.issued 2017-02-16;
metadataTrad.dc.description.sponsorship CNPQ – Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico;
metadataTrad.dc.rights openAccess;
metadataTrad.dc.identifier.uri http://www.repositorio.jesuita.org.br/handle/UNISINOS/6216;
metadataTrad.dc.publisher.program Programa de Pós-Graduação em Economia;


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search

Advanced Search

Browse

My Account

Statistics