RDBU| Repositório Digital da Biblioteca da Unisinos

Na escrita do professor, um percurso possível para a análise do (seu) desenvolvimento profissional

Show simple item record

metadataTrad.dc.contributor.author Carnin, Anderson;
metadataTrad.dc.contributor.authorLattes http://lattes.cnpq.br/3357536032967630;
metadataTrad.dc.contributor.advisor Guimarães, Ana Maria de Mattos;
metadataTrad.dc.contributor.advisorLattes http://lattes.cnpq.br/4439407429779665;
metadataTrad.dc.contributor.advisor-co1 Pereira, Luísa Álvares;
metadataTrad.dc.contributor.advisor-co1Lattes http://lattes.cnpq.br/6608017761256414;
metadataTrad.dc.publisher Universidade do Vale do Rio dos Sinos;
metadataTrad.dc.publisher.initials Unisinos;
metadataTrad.dc.publisher.country Brasil;
metadataTrad.dc.publisher.department Escola da Indústria Criativa;
metadataTrad.dc.language pt_BR;
metadataTrad.dc.title Na escrita do professor, um percurso possível para a análise do (seu) desenvolvimento profissional;
metadataTrad.dc.description.resumo Esta pesquisa, pautada numa concepção de ensino como trabalho (MACHADO, 2004), enfocou a escrita de professores em formação continuada e sua relação com o desenvolvimento profissional. Objetivando ampliar a compreensão sobre como a escrita profissional medeia o desenvolvimento, realizou-se uma pesquisa qualitativa de caráter longitudinal que acompanhou uma díade de professoras em formação continuada na área de (ensino de) língua materna, tomando o conceito de gênero de texto como eixo articulador da investigação. No quadro de uma formação cooperativa, na qual pesquisadores e professores têm voz e a possibilidade de mudar o curso da pesquisa (GUIMARÃES; CARNIN, 2014), buscou-se examinar o desenvolvimento do conceito de gênero textual, tanto sob o ponto de vista epistemológico como praxiológico. Iluminados pelo amparo teórico do Interacionismo Sociodiscursivo (BRONCKART, 1999, 2006, 2011, 2013) buscou-se elucidar modos de: a) compreender a escrita de trabalho do professor inserida no seu espaço de desenvolvimento profissional; b) descrever os modos como a escrita medeia a construção de conhecimento por professores em formação continuada e c) analisar se existem indícios linguístico-textuais, marcados na escrita do professor, que permitem visualizar relação de desenvolvimento profissional e a transformação do conceito de gênero de texto em instrumento psicológico. O exercício analítico se deu a partir de dois textos produzidos pelas professoras colaboradoras da pesquisa: um projeto didático de gênero (GUIMARÃES; KERSCH, 2012b) e um artigo científico. Sob o ponto de vista linguístico-discursivo, foram analisados a infraestrutura geral do texto (plano global, conteúdos temáticos, sequências e tipos de discurso) e os mecanismos enunciativos (vozes e índices de pessoa). Aspectos relacionados à dimensão psicológica do desenvolvimento também foram considerados na análise, a partir de Bronckart (2011) e Friedrich (2012). Os resultados incluem (a) a confirmação de que a escrita do professor é um poderoso instrumento para a tomada de consciência e a reconfiguração da representação do conceito de gênero de texto; (b) a apresentação de uma análise linguístico-textual e discursiva que descreve a (re)configuração do conceito de gênero de texto e sua transformação em instrumento psicológico; (c) a discussão sobre a escrita de professores como episteme de uma prática docente orientada pela e para a produção de conhecimento em situação de trabalho e (d) a abertura de um espaço de pesquisa sobre a relação entre escrita, autoria e desenvolvimento profissional.;
metadataTrad.dc.description.abstract This research, which was based on a conception of teaching as a work activity (MACHADO, 2004), focused on teachers’ writing practice in a continued studies training and its relation with their professional development. Aiming at broadening the comprehension about how professional writing can mediate the development, a longitudinal qualitative research was conducted. In this research, a dyad of teachers of Portuguese as a mother language was analyzed during a process of continued studies teacher training, taking the concept of textual genre as the articulatory axe of the investigation. In the frame of a cooperative teacher training, in which researchers and teachers are invoiced and have the possibility to change the course of the research (GUIMARÃES; CARNIN, 2014), the development of the notion of textual genre was searched, concerning not only the epistemological perspective but also the praxiological. Enlightened by the theoretical approach of the Sociodiscursive Interactionism (BRONCKART, 1999, 2006, 2011, 2013), this study intended to elucidate means of: a) comprehend the teacher’s work writing inserted in the former’s professional environment; b) describe the means in which writing mediates professional knowledge construction by teachers in continued studies training; and c) analyze if there are textual/linguistic traits, highlighted in the teacher’s writing, which allow a visualization of a relationship between professional development and the transformation of the text genre concept in psychological instrument. The analytical exercise took place from two texts produced by the participant teachers who collaborated in the research: genre didactic project (GUIMARÃES; KERSCH, 2012b) and a scientific paper. Considering the linguistic-discursive perspective, the text’s general infrastructure (global plan, thematic contents, discourse types and sequences) and enunciator mechanisms (voices and personal indexes) were analyzed. Aspects related to the psychological dimension of the development were also taken into account, from Bronckart (2011) and Friedrich (2012). Results include (a) the confirmation that teacher’s writing is a powerful instrument for awareness and reconfiguration of the representation of the concept of textual genre; (b) the presentation of a textual/linguistic and discursive analysis which describes the (re)configuration of the concept of textual genre and its transformation into psychological instrument; (c) the discussion about teachers’ writing as the episteme of a teaching practice guided by and to knowledge production in a work situation and (d) the opening of a space of research about the relationship among writing, authorship and professional development.;
metadataTrad.dc.subject Desenvolvimento profissional; Escrita; Trabalho docente; Formação continuada; Interacionismo sociodiscursivo; Professional/teaching writing; Teaching work; Continued studies training; Professional development; Sociodiscursive interactionism;
metadataTrad.dc.subject.cnpq ACCNPQ::Lingüística, Letras e Artes::Lingüística;
metadataTrad.dc.type Tese;
metadataTrad.dc.date.issued 2015-03-23;
metadataTrad.dc.description.sponsorship CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior;
metadataTrad.dc.rights openAccess;
metadataTrad.dc.identifier.uri http://www.repositorio.jesuita.org.br/handle/UNISINOS/3761;
metadataTrad.dc.publisher.program Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada;


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search

Advanced Search

Browse

My Account

Statistics