RDBU| Repositório Digital da Biblioteca da Unisinos

Flutuação populacional, variação morfométrica e assimetria flutuante em Pygoscelis papua, no arquipélago das Shetlands do Sul, Antártica

Show simple item record

metadataTrad.dc.contributor.author Piuco, Roberta da Cruz;
metadataTrad.dc.contributor.authorLattes http://lattes.cnpq.br/8695985242035639;
metadataTrad.dc.contributor.advisor Petry, Maria Virginia;
metadataTrad.dc.contributor.advisorLattes http://lattes.cnpq.br/0128404227626176;
metadataTrad.dc.publisher Universidade do Vale do Rio dos Sinos;
metadataTrad.dc.publisher.initials Unisinos;
metadataTrad.dc.publisher.country Brasil;
metadataTrad.dc.publisher.department Escola Politécnica;
metadataTrad.dc.language pt_BR;
metadataTrad.dc.title Flutuação populacional, variação morfométrica e assimetria flutuante em Pygoscelis papua, no arquipélago das Shetlands do Sul, Antártica;
metadataTrad.dc.description.resumo O pinguim-papua (Pygoscelis papua) reproduz a partir de 46°S a 65°S. Apesar de sua ampla distribuição são consumidores costeiros e não migratórios, possuem um alto nível de filopatria e as populações estão restritas a ilhas de reprodução e faixas de forrageamento e apresentam variações contrastantes entre populações. Esta tese tem como objetivos: 1) avaliar as respostas do tamanho da população reprodutiva de pinguim-papua de acordo com fatores climáticos em Stinker Point, Ilha Elefante; 2) identificar o dimorfismo sexual de tamanho em caracteres morfométricos em adultos reprodutores de pinguins-papua em Stinker Point, Ilha Elefante, comparando-se com a técnica de sexagem molecular. Além disso, verificar a variação morfométrica da espécie em três locais do Arquipélago das Shetlands do Sul e comparar com dados da literatura e 3) quantificar um tipo potencial de assimetria em pinguins-papua nas ilhas Elefante e Rei George, caracterizando seus níveis assimétricos como uma forma de avaliar a qualidade do ambiente. A população reprodutiva de pinguim-papua respondeu significativamente ao Índice de Oscilação Antártica e à anomalia de temperatura durante o início do período reprodutivo. Provavelmente pelas variações climáticas extremas interferirem na decisão dos indivíduos de reproduzir ou não em um determinado ano. Na avaliação do dimorfismo sexual, através de medidas morfométricas, o comprimento do bico foi a medida de maior dimorfismo sexual (5,3%) e classificou corretamente 76,7% das aves, sendo em média as fêmeas maiores que os machos. Dentre as medidas morfométricas analisadas, todas apresentaram diferenças entre os locais do Arquipélago das Shetlands do Sul e Península Antártica. Dada a pouca acurácia das funções discriminantes na sexagem e as diferenças das medidas morfométricas conforme a área geográfica de pinguim-papua, é preciso ter cautela ao classificar indivíduos com base em uma única avaliação, de forma que a sexagem molecular apresentou melhor resultado. Quanto ao tipo de assimetria, os níveis observados refletem um padrão de assimetria flutuante (AF), porém sem diferença significativa. A ausência de altos níveis de AF indica que não há níveis cumulativos suficientes de estresses ambientais que pudesse causar distúrbios fisiológicos e alterar a homeostase do desenvolvimento normal nesta espécie na Antártica.;
metadataTrad.dc.description.abstract Gentoo penguin (Pygoscelis papua) breed from 46ºS to 65ºS. Despite its wide distribution are inshore consumers and non-migratory, have a high level of philopatry and populations are restricted to island breeding and foraging ranges and shown variations contrasting among populations. This thesis aims to: 1) to evaluate the breeding population size responses of the Gentoo penguin according to climate factor at Stinker Point, Elephant Island; 2) to identify the sexual dimorphism of size in the morphometric characteristics of male and female adult Gentoo penguins at Stinker Point, Elephant Island, compared with the technique of molecular sexing. Furthermore, to verify morphometric variation of the specie at three sites f the South Shetlands Archipelago and compare with literature data and 3) to quantify one kind of potential asymmetry in Gentoo penguins, breeding at Elephant and King George Islands and attempt to characterize their extremes of variation as a way of evaluating the current living quality of the environment. The breeding population size of Gentoo penguin responded significantly to the Antarctic Oscillation Index and the temperature anomaly during the early reproductive period. Probably by extreme climatic variations affecting the decision on breeding or skipping breeding in a given year. In the assessment of sexual dimorphism using morphometric characters, the bill length was the larger measure of sexual dimorphism (5.3%) and correctly classified 76.7% of the birds, were found females larger than males. Among the morphometric measurements analyzed, all showed differences among the sites of the South Shetlands Archipelago and Antarctic Peninsula. Given the limited accuracy of the discriminant function sexing and differences of these morphometric measurements according to the geographical area of Gentoo penguin, is necessary have caution to classify individuals based on a single assessment, so that the molecular sexing presented best result. For the type of asymmetry, the levels of asymmetry reflect a fluctuating asymmetry (FA) pattern, however no significant difference. Absence of high levels of observed FA in our study led us to think it indicates there are not sufficient cumulative levels of environmental stresses such that they might cause physiological disturbances and alter the homeostasis of normal development in this species in Antarctica.;
metadataTrad.dc.subject Dimorfismo sexual; Distribuição; Flutuação populacional; Medidas morfológicas; Simetria bilateral; Variações climáticas; Bilateral symmetry; Climatic variations; Distribution; Morphological measurements; Population fluctuation; Sexual dimorphism;
metadataTrad.dc.subject.cnpq ACCNPQ::Ciências Biológicas::Biologia Geral;
metadataTrad.dc.type Tese;
metadataTrad.dc.date.issued 2013-11-21;
metadataTrad.dc.description.sponsorship CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; CNPQ – Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; UNISINOS - Universidade do Vale do Rio dos Sinos; INCT-APA - Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia Antártico de Pesquisas Ambientais; Programa Antártico Brasileiro; SECIRM - Secretaria Interministerial para os Recursos do Mar; MMA - Ministério do meio Ambiente;
metadataTrad.dc.rights openAccess;
metadataTrad.dc.identifier.uri http://www.repositorio.jesuita.org.br/handle/UNISINOS/3331;
metadataTrad.dc.publisher.program Programa de Pós-Graduação em Biologia;


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search

Advanced Search

Browse

My Account

Statistics